ABRIL AZUL - CONSCIENTIZAÇÃO SOBRE O AUTISMO

Autismo, também chamado de Transtorno do Espectro Autista, é um Transtorno Global do Desenvolvimento (TGD) que tem influência genética e é causado por defeitos em partes do cérebro, como o cerebelo, por exemplo.
Caracteriza-se por dificuldades significativas na comunicação e na interação social, além de alterações de comportamento, expressas principalmente na repetição de movimentos, como balançar o corpo, rodar uma caneta, apegar-se a objetos ou enfileirá-los de maneira estereotipada. Todas essas alterações costumam aparecer dos três anos de idade, em sua maioria, em crianças do sexo masculino.
Um autista pode ser perfeitamente alfabetizado, porém especialistas e educadores devem ficar atentos ao seu comportamento.
Estudar as peculiaridades de cada caso e a formação do educador são fatores relevantes neste contexto.
É preciso elaborar um programa educacional específico para cada caso, levando em consideração potencialidades e limites, dependendo do grau de comprometimento, a alfabetização torna-se extremamente difícil.
Para minimizar essas dificuldades, vale criar situações de interação. Respeite o limite da criança autista, seja claro em suas perguntas, amplie o tempo para que ela realize as atividades propostas e sempre comunique mudanças na rotina.
A paciência para lidar com essas crianças é fundamental, já que pelo menos 50% dos autistas apresentam graus variáveis de deficiência intelectual.  Alguns, ao contrário, apresentam alto desempenho e desenvolvem habilidades específicas, como ter muita facilidade para memorizar números ou deter um conhecimento muito específico sobre informática. Descobrir e explorar as “eficiências” do autista é um bom caminho para o seu desenvolvimento.



Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

JESC 2017 - Etapa Campos Novos

Feira de Matemática - Fase Municipal